Viewing entries in the category bolinhos doces

Sou absolutamente maluca por maple. Só de sentir aquele aroma de ‘madeira’ já fico com água na boca. Assim, na última viagem garanti meu estoque não só do maple syrup como também do maple sugar, um açúcar cristalizado feito de maple que é uma delícia. Mas o tempo foi passando e havia ainda aqui em casa um resto destes ingredientes que estavam para vencer no mês que vem. Resolvi usá-los numa receita com abóbora e nozes pecãs, uma combinação que vi uma vez em algum blog e que ficou na minha cabeça.

Como não achei o link dos muffins originais, fiz uma receita inventada. :-) Mas deu muito certo. Os muffins ficaram muito gostosos, não tão doces e bem substanciosos como todo muffin deve ser, na minha opinião! E acabaram rapidamente, o sinal mais inequívoco de que fizeram sucesso de fato.

Muffins de abóbora, maple e nozes pecãs

2 ovos
1 xícara (chá) de abóbora cozida e amassada com o garfo
1 pote de iogurte integral (190 g)
¼ xícara (chá) de óleo
¼ xícara (chá) de maple syrup
1 xícara (chá) de maple sugar (não se assustem, ele não é tão doce como o branco refinado!)
½ colher (chá) de pumpkin pie spice (usei o restinho de uma deliciosa que ganhei da @fezoca)
2 xícaras (chá) de farinha de trigo
1 colher (sopa) de fermento em pó
½ xícara (chá) de nozes pecãs picadas grosseiramente

cobertura

¼ xícara (chá) de nozes pecãs bem picadas
2 colheres (sopa) de maple sugar

Preaquecer o forno a 180ºC. Untar e enfarinhar 12 forminhas de muffins (se quiser use as de papel). Em uma vasilha, bater os ovos com um fouet. Juntar a abóbora, o iogurte, o óleo e o maple syrup. Misturar. Juntar o açúcar e a pumpkin pie spice e deixar incorporar aos demais ingredientes. Peneirar por cima a farinha misturada com o fermento em pó. Misturar novamente e por fim juntar as nozes pecãs picadas. Colocar a massa nas forminhas e cobrir cada uma com um pouco da farofinha feita com as nozes pecãs e o maple sugar. Levar ao forno por cerca de 20 minutos.

Compartilhar/Favoritos

Como acontece com todo blogueiro de comida pelo menos uma vez senão várias na vida, Murphy deu o ar da graça e essa semana só teve receita boa + foto ruim e receita meia-boca + foto apetitosa.  São casos em que prefiro nem postar. E decidi então publicar esta receita de madeleines, pois mesmo sendo tema requentado no mundo dos blogs de gastronomia, representa a equação perfeita da receita ótima + foto linda  (+ momentânea falta de modéstia da blogueira que vos escreve rsrs…)

Esta receita é da Dorie Greenspan e fiquei com vontade de fazê-la quando a vi no blog Halal Mama da minha amiga Katia.

Madeleines

2/3 xícara (chá) de farinha de trigo
¾ colher (chá) de fermento em pó
pitada de sal
½ xícara (chá) de açúcar
raspas da casca de 1 limão
2 ovos grandes, em temperatura ambiente
2 colheres (café) de essência de baunilha
100 g de manteiga sem sal, derretida e fria
açúcar de confeiteiro para polvilhar

Misture a farinha, o fermento e o sal e reserve. Trabalhando em uma tigela, esfregue o açúcar e as raspas de limão com a ponta dos dedos até o açúcar ficar úmido e perfumado. Leve à batedeira o açúcar com os ovos e bata até a mistura ficar fofinha e esbranquiçada. Junte a essência de baunilha e bata só para misturar. Tire da batedeira e acrescente os ingredientes secos, incorporando-os à massa. Em seguida, incorpore delicadamente a manteiga derretida. Cubra a vasilha com filme plástico e leve a massa à geladeira por pelo menos 3 horas. Pode até deixar de um dia para o outro. Na hora de assar, pré-aqueça o forno em 180ºC. Unte e enfarinhe as forminhas de madeleines e coloque a massa, deixando meio centímetro de espaço nas beiradas porque a massa cresce. Asse por 10 a 15 minutos, dependendo do seu forno. As madeleines devem ficar quase douradas, mas não escuras. Espere esfriar para desenformar. Para servir, polvilhe-as com açúcar de confeiteiro.

Férias escolares estourando por aí. Para quem não vai viajar, época de inventar moda para distrair as crianças em casa. Já falamos bastante sobre cozinhar com as crianças no Twitter. A @samegui fez um post bacana sobre isto no blog Mãe com Filhos; a @MariaRe me enviou este texto legal da Rosely Sayão. De fato não tem coisa mais gostosa do que ter eles nos ajudando na cozinha. É uma maneira divertida e carinhosa de interagir com os filhos. E a gente deixa para pensar na bagunça depois… rsrsrs! Esta receita de cupcake cones eu aprendi com a Cris do From Our Home to Yours. A ideia é muito original: o bolinho é assado dentro de uma casquinha de sorvete. Esta receita foi publicada originalmente em outubro de 2009 no Rosmarino e Prezzemolo.

Chocolate chip cupcake cones

Não, gente, não queima! Eu não tinha uma grelha ou grade pequena que coubesse dentro do forno, então forrei a própria grelha da prateleira de baixo do forno com três camadas de papel alumínio, em seguida fiz pequenos furos com uma faca e fui encaixando as casquinhas nestes furos para assar. Tome cuidado para não se queimar quando for colocar as casquinhas no forno, pois como o forno é pré-aquecido, fica tudo bem quente para mexer. Melhor usar uma luva. Claro que você precisa ficar de olho para evitar acidentes. Se ficarem tempo demais no forno, as pontinhas das casquinhas ficam meio chamuscadas. Se você não escolher bem as casquinhas e usar alguma furada, o recheio de bolo cru vai escorrer por baixo e sujar beeem o seu forno. Mas se tiver mínimos cuidados sai lindo. E, como diz a Cris, use casquinhas de boa qualidade que o resultado sai muito melhor. E as crianças simplesmente amam ajudar a fazer ;-)

Usei a receita de bolo que a própria Cris usou nas casquinhas dela. A cobertura é uma receita já bem testada aqui em casa de cupcake frosting de chocolate que eu peguei no blog das Rainhas. Coloquei gotas de chocolate na massa e bolinhas de chocolate preto e branco para enfeitar.

bolinho10 a 12 casquinhas de sorvete de boa qualidade
1 ½ xíc (chá) de farinha de trigo
1 col (chá) de fermento em pó
1 pitada de sal
3 ovos
¾ xíc (chá) de açúcar
1 col (chá) de extrato de baunilha (usei essência de baunilha mesmo)
½ xíc (chá) de leite morno
3 col (sopa) de manteiga
½ xíc (chá) de gotas de chocolate (opcional)

Pré-aqueça o forno a 180 °C. Forre uma grelha com papel alumínio. Dê duas ou três voltas com a folha de alumínio na grelha, coloque-a sobre uma assadeira funda e faça furos com uma faca para conter as casquinhas, mantenha distância entre elas. Peneire a farinha de trigo, o fermento e o sal em uma tigela. Bata as claras em neve, use velocidade alta. Quando as claras estiverem no ponto, vá adicionando lentamente as gemas, o açúcar e a baunilha. Continue batendo. Enquanto as claras são batidas, aqueça o leite com a manteiga, o suficiente para derreter a manteiga. Abaixe a velocidade da batedeira, e comece a acrescentar os ingredientes secos que peneirou na tigela, intercalando com o leite morno. Misture delicadamente as gotas de chocolate. Encha as casquinhas de sorvete deixando 1 cm de folga na borda. Asse por 20 a 30 minutos ou até dourar.

cobertura
½ xíc (chá) de manteiga bem mole (mas sem chegar a derreter)
1 ½ xíc (chá) de açúcar de confeiteiro
¼ xíc (chá) de leite
1/3 xíc (chá) de cacau em pó

Bater a manteiga na batedeira até ficar cremosa, adicionar o açúcar aos poucos e no final colocar o leite e o cacau. Bater mais um pouco e pronto. Usei um saco de confeiteiro para decorar os cupcakes.

Boas férias para vocês! :-D